Integração no e-commerce: porque é importante para o negócio

Começar uma loja online vai exigir que novas tarefas sejam desempenhadas. Funções como compra de insumos, controle de produtividade, gestão de estoque e emissão de notas fiscais exigem que o empreendedor digital dedique boa parte de seu tempo em atividades operacional do negócio.

Apesar de se tratar de processos rápidos quando o negócio está no início, ao longo do tempo e conforme a carteira cresce, fica nítida a necessidade de otimizar as atividades. Pensando nisso, hoje nossa conversa será sobre a integração no e-commerce e porque é tão importante pensar sobre isso, acompanhe!

O que é integração no e-commerce?

Integração-no-e-commerce-porque-é-importante-para-o-seu-negócio

A integração no e-commerce nada mais é do que unificar todas as informações importantes da loja virtual em um lugar. A integração garante que os dados fiquem em um software alimentado com informações de produtos e custos, que facilita o gerenciamento.

Esse software recebe o fluxo de informações da loja virtual (novas vendas ou novos clientes) e realiza as tarefas necessárias por todo o processo. Algumas atividades podem ser potencialmente otimizadas a partir da integração no e-commerce, veja:

  • centralização de informações bancárias;
  • base de perfis de clientes atualizada;
  • emissão de notas fiscais;
  • controle de estoque – entrada e saída de produtos;
  • fluxo de caixa – entrada e saída de vendas.

Ou seja, com a integração, todas as informações são reunidas em um só lugar e são manipuladas a partir dele. Isso quer dizer que na atividade de controle de estoque, por exemplo, o sistema vai levantar o que entrou no sistema e o que foi vendido. Assim, terá as informações do que tem no estoque, por exemplo.

Quais são os benefícios de fazer a integração

É comum que o gestor de qualquer negócio leve consigo as planilhas de excel como sua melhor aliada na organização. Isso pode funcionar enquanto o negócio está em fase de desenvolvimento e com pouco fluxo de vendas.
partir do momento que as vendas crescem (e esse é o objetivo de todo negócio), é difícil manter o controle e qualidade de execução de todas as tarefas da empresa.

Acompanhe então alguns dos benefícios de fazer a integração no e-commerce:

  • ganho de produtividade – como a integração tarefas como emissão de notas fiscais e requisição de estoque, por exemplo, fficam mais fáceis e rápidas;
  • fidelização de clientes – a experiência do cliente melhora significativamente quando ele não precisa esperar muito para concluir sua compra e receber o seu pedido ou quando recebe um e-mail personalizado de
  • aniversário, por exemplo;
  • foco na gestão – com as informações detalhadas de ganhos e investimentos em um só lugar, o gestor do e-commerce consegue se dedicar à análise de dados e tomada de decisões, em vez de dispor boa parte de seu tempo à tarefas manuais;
  • diminuição dos erros – como a integração no e-commerce é um processo automático e sem a necessidade de interferência humana, os erros diminuem muito.

A integração no e-commerce se torna essencial ao longo do desenvolvimento do negócio, e pode facilitar muito a vida, tanto do gestor quanto do cliente. Por isso, considere fazer uma pesquisa sobre quais os tipos de integração disponíveis no mercado e elimine de uma vez por todas a burocracia de seus processos.

Quer entender melhor sobre esse assunto? Converse com nossos especialistas!

Notícias relacionadas

O Custo de Aquisição de Clientes (CAC) é uma...
WhatsApp chat